BCS-255/355

BCS-255/355

Motobombas para líquidos com sólidos em suspensão, conforme tamanho especificado na tabela.

Características
Info para Pedido
Tabela de Seleção
Downloads
  • Aplicações Gerais

    • Estações de tratamento de efluentes
    • Drenagem de águas servidas e pluviais
    • Bombeamento de efluentes não fibrosos

    Detalhes Técnicos do Produto

    • Bocal com rosca BSP
    • Caracol da motobomba de ferro fundido cinzento
    • Rotor semiaberto de ferro fundido GG-25 (exceto BCS-255 ½ cv)
    • Rotor semiaberto Vórtex de ferro fundido GG-25 para BCS-255 ½ cv
    • Placa de fundo de ferro fundido cinzento GG-15 (exceto BCS-255 ½ cv)
    • Selo mecânico duplo constituído de aço inox AISI-304, buna N, grafite e cerâmica
    • Selo mecânico constituído de aço inox AISI-304, buna N, hard carbon e cerâmica para BCS-255 ½ cv
    • Motor elétrico IP-68, 4 polos, 60 Hz, refrigerado com óleo dielétrico, eixo de aço inox AISI-420
    • Comprimento do cabo de ligação: 7 m para BCS-255 ½ cv
    • Comprimento do cabo de ligação: 10 m (exceto BCS-255 ½ cv)
    • Motobomba BCS-255 ½ cv com opção de boia elétrica para acionamento automático
    • As motobombas monofásicas possuem proteção térmica no motor

    Opções

    • Selo mecânico: buna N carbeto de silício
    • Comprimento do cabo de ligação: 25 m

    Importante

    • A instalação elétrica deverá seguir as instruções da NBR 5410.
    • Vedada a utilização para bombeamento de água potável.
    • Instale a BCS de forma que o motor elétrico trabalhe completamente submerso. Os modelos que possuem boia elétrica para acionamento automático não devem operar em regime contínuo de funcionamento. Para o bombeamento em sistema contínuo é necessário a submergência total do produto.
    • Temperatura máxima do líquido bombeado: 40 °C.
    • Para utilização fora das aplicações informadas, consulte a Fábrica.
    • Consulte o Manual de Instrução para outros cuidados operacionais.
  • ModeloPotência
    (cv)
    Ø Recalque
    (pol)
    Ø Máximo dos sólidos
    (mm)
    Motobomba Motor
    Monofásico
    Motobomba Motor
    Trifásico
    127 V220 V220 V380 V440 V
    CódigoCódigoCódigoCódigoCódigo
    ✓ BCS-2551/225087131882-0087131883-0087132097-0087132098-0087132099-00
    ✓ BCS-255 B1/225087132158-0087132159-00---
    BCS-2551250-87110254-0087110255-0087110256-0087110257-00
    BCS-3552350--87110258-0087110259-0087110260-00
    3350--87110261-0087110262-0087110263-00
    • ✓ Lançamentos
    • Modelos BCS-255, BCS-355: motor WEG IP-68, 4 polos, 60 Hz.
    • Série BCS: rotor semiaberto de ferro fundido (exceto BCS-255 ½ cv).
    • Rotor semiaberto Vórtex de ferro fundido para BCS-255 ½ cv
    • Temperatura máxima do líquido bombeado: 40 ºC. Vedada a utilização para bombeamento de água potável.
    • Para utilização fora das aplicações informadas, consulte a Fábrica.
  • ModeloPotência
    (cv)
    Características Hidráulicas
    Altura Manométrica Total (m.c.a.)
    123456789101112131415
    Vazão em m³/h válida para sucção de 0 m.c.a.
    ✓ BCS-2550,522,919,415,8128,14
    BCS-255151,647,342,938,13327,421,214,15,6
    BCS-3552***54,150,646,942,938,63428,822,915,86,3
    3****59,356,253,149,746,242,338,233,628,522,414,6
    ModeloPotência
    (cv)
    MonofásicoTrifásicoØ Recalque
    (pol)
    Pressão máxima
    sem vazão
    (m.c.a.)
    Ø Máximo
    dos sólidos
    (mm)
    Ø Rotor
    (mm)
    ✓ BCS-2550,5xx2750134
    BCS-2551 xx29,550132
    BCS-3552 x31450162
    3x31650178
    • ✓ Lançamentos
    • Dados hidráulicos conforme ISO 9906 anexo “A”, com motor de linha e frequência indicados. Para condições diferentes consulte a Fábrica.
    • Não utilize a motobomba na faixa com asteriscos (*).
    • Para obter a altura manométrica total em m.c.a., não deixe de considerar as perdas de carga por atrito da instalação.
    • Obrigatório o aterramento do motor elétrico, conforme previsto na norma NBR 5410 ou norma equivalente do país onde o produto será instalado.